As melhores tecnologias no varejo para a sua loja se manter competitiva

03/06/2024 | 0 Comentários

Muitos empreendedores do varejo são especialistas em produtos e marcas que vendem, mas nem sempre dominam todas as tecnologias para impulsionar seus negócios.

Para aumentar as chances de sucesso e longevidade, é essencial adotar tecnologias que otimizem processos, facilitem a gestão e ampliem os canais de venda, resultando em crescimento significativo da empresa.

Em recente pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), 74% dos varejistas brasileiros afirmam ter aumentado a receita com o uso de tecnologia e 64% dos comerciantes acreditam que a tecnologia, como sistemas ERP para varejos, aumentou o valor da sua empresa.

Ou seja, um ecossistema de tecnologias e integrações é fundamental para apoiar toda a operação do varejista, seja com uma loja ou uma rede de franquias.

Então hoje, iremos te apresentar os melhores canais de venda e tecnologias disponíveis no varejo para a sua loja se manter competitiva no mercado. Confira!

1. Venda no Varejo:

A venda no varejo é um campo dinâmico e desafiador, onde a concorrência é intensa e as expectativas dos consumidores estão sempre evoluindo.

Neste contexto, é essencial que os varejistas estejam equipados com estratégias e táticas eficazes para maximizar suas vendas e garantir o sucesso do negócio.

Com o avanço da tecnologia, os varejistas têm à disposição uma variedade de canais de venda, que incluem não apenas lojas físicas, mas também comércio eletrônico, marketplaces e redes sociais.

Integrar todos esses canais com um sistema para varejo pode simplificar a gestão de franquias ou negócios.

Essa diversificação dos canais de venda, permite alcançar novos públicos e aumentar as oportunidades de vendas.

Outra questão que pode ajudar bastante quem vende no varejo é investir em sistemas de ponto de venda (PDV) modernos e intuitivos para agilizar as transações e proporcionar uma experiência de compra satisfatória para os clientes.

Esses sistemas não apenas facilitam as operações diárias, mas também podem melhorar a eficiência e a precisão na gestão do estoque e no acompanhamento das vendas.

Além disso, soluções de pagamento móvel e sem contato estão se tornando cada vez mais populares, ainda mais para quem utiliza sistema para lojas ou sistema para restaurantes, possuir um bom PDV e um ERP oferecem conveniência e segurança.

Abaixo, listamos especificamente algumas sugestões para vendas no varejo:

  • PDV mobile e checkout autosserviço: agilizam as filas, reduzem custos e proporcionam uma experiência de compra mais prática e moderna.
  • Quiosques de autoatendimento: permitem que os clientes consultem produtos, comparem preços e realizem compras de forma autônoma.
  • Programa de fidelidade e cashback: gera pontuação para os clientes em forma de benefícios, estimulando assim o consumidor a retornar na loja e realizar mais compras.
  • Análise de dados de clientes: gera insights sobre o comportamento do consumidor, permitindo a personalização de ofertas, campanhas direcionadas e fidelização.
  • ERP (Sistema de Gestão Empresarial): realiza o controle completo de todas os setores do estabelecimento como estoque, compras, faturamento, financeiro e fiscal.

2. Venda no Atacado:

Para atender às demandas específicas do mercado atacadista, é importante investir em sistemas de gestão de pedidos, que facilitem a comunicação com os clientes atacadistas, gerenciem preços e estoques de forma integrada e forneçam relatórios detalhados para análise e tomada de decisões.

  • Ferramenta de gestão de estoque otimizada: garante controle preciso dos níveis de estoque, reduz rupturas e otimiza a reposição de produtos.
  • Ferramenta de automação de processos logísticos: agiliza o picking (escolha em armazém de certos produtos), packing (processo de embalamento dos itens de uma compra) e envio de pedidos, aumentando a eficiência e reduzindo custos.
  • Portal B2B: facilita o acesso dos clientes atacadistas a informações sobre produtos, preços e pedidos, além de permitir a realização de compras online.
  • EDI (Electronic Data Interchange): agiliza a troca de informações entre a sua empresa e seus fornecedores e clientes, reduzindo erros e otimizando processos.

A tecnologia desempenha um papel cada vez mais importante no setor atacadista, ajudando a otimizar processos, gerenciar inventário e melhorar a eficiência operacional. Investir em sistemas de gestão de estoque, automação de vendas e análise de dados pode proporcionar uma vantagem competitiva significativa.

3. E-commerce:

E-commerce:

Ter uma presença online forte é importantíssimo nos dias de hoje. Uma plataforma de e-commerce robusta e personalizável permite que sua loja alcance um público mais amplo, oferecendo uma experiência de compra conveniente e segura, além de integrar estoque e pedidos com a operação física da loja.

Veja algumas dicas para ter uma loja virtual de sucesso:

  • Plataforma de e-commerce robusta e escalável: garante uma experiência de compra segura e agradável para os clientes, além de suportar o crescimento do seu negócio.
  • Soluções de pagamento seguras: oferecem diversas opções de pagamento para os clientes, como cartões, boletos e PIX, aumentando a conversão de vendas.
  • Marketing Digital: permite alcançar novos clientes e fidelizar os existentes através de campanhas personalizadas em canais como Google Ads, redes sociais e e-mail marketing.
  • Gestão de logística integrada: garante entregas rápidas e eficientes para os clientes, aumentando a satisfação e fidelizando-os.
  • Análise de risco: identifique e previna fraudes em transações online, protegendo seu negócio e seus clientes.

4. Marketplace:

Marketplace ou mercado online é um tipo de site de comércio eletrônico, em que as informações de produtos ou serviços são fornecidas por vários terceiros.

Então, participar de marketplaces pode ser uma estratégia inteligente para expandir o alcance da sua loja e atrair novos clientes.

Ao listar seus produtos em plataformas populares, você pode aproveitar a base de clientes existente e aumentar suas vendas sem grandes investimentos em marketing.

  • Integração com marketplaces: expanda o alcance da sua loja para milhões de consumidores em marketplaces como MercadoLivre, Magazine Luiza e Americanas.
  • Gestão de preços e anúncios: otimize seus preços e anúncios nos marketplaces para aumentar a visibilidade dos seus produtos e impulsionar as vendas.
  • Atendimento ao cliente multicanal: ofereça um atendimento ágil e personalizado aos clientes em diferentes canais, como chat online, e-mail e telefone.
  • Monitoramento de reputação: monitore a reputação da sua loja nos marketplaces e responda aos comentários dos clientes de forma estratégica, hoje em dia muitas empresas terceirizadas oferecem esse serviço.

Para não precisar cadastrar todos os seus produtos em cada marketplace que existe atualmente, você pode buscar um hub de marketplace e integrar todas as informações em um único lugar.

5. Omnichannel / Multicanalidade:

Oferecer uma experiência omnicanal é essencial para acompanhar as expectativas dos consumidores modernos. Isso significa integrar perfeitamente os canais de vendas físicos e online, permitindo que os clientes comprem, retornem produtos e interajam com sua marca de forma consistente, independentemente do canal escolhido.

  • Plataforma omnichannel: unifique os dados e a experiência do cliente em todos os canais de venda, proporcionando uma jornada de compra fluida e personalizada.
  • CRM (Customer Relationship Management): gerencie as informações dos seus clientes de forma centralizada, personalize ofertas e promoções e fortaleça o relacionamento com a marca.
  • Programa de fidelidade omnichannel: recompense seus clientes mais frequentes e incentive a recompra com programas de fidelidade personalizados.
  • Comunicação omnichannel: comunique-se com seus clientes em diversos canais, como e-mail, SMS, redes sociais e push notifications.

6. Serviços Financeiros Integrados:

Otimizar o tempo do empresário através de informações financeiras e conciliações centralizadas em uma única plataforma é um grande facilitador na gestão do negócio. Graças as novas tecnologias e integrações tudo isso é possível ter no seu próprio ERP..

  • Conta digital integrada: facilite o controle financeiro com uma conta digital integrada ao seu sistema de gestão de loja permitindo pagamentos, transferências, conciliações bancárias e outros serviços financeiros.
  • Conciliador de cartões: concilie os seus recebimentos em cartão de crédito para certificar que todos valores e taxas financeiras estão corretos e de acordo com o combinado com a administradora de cartões.
  • Calendário de recebíveis: Consolide num único local todos os recebíveis seja em cartão, voucher ou pix, tornando o seu dia muito mais fácil. Uma ótima ferramenta com esses recursos é o Raio X da Stone.
  • Pix integrado: Utilize o meio de pagamento que mais cresce no Brasil de forma integrada para automatizar o controle financeiro.

7. ERP (Enterprise Resource Planning):

ERP (Enterprise Resource Planning)

Um sistema de gestão integrada – ERP centraliza e integra todos os processos de negócios da sua loja, desde as vendas nos diversos pontos de venda até o gerenciamento de estoque, financeiro e contábil. Isso proporciona uma visão abrangente e em tempo real do seu negócio, facilitando a identificação de oportunidades de melhoria e otimização de operações.

  • Sistema ERP completo: gerencie todos os processos da sua empresa de forma integrada, desde o estoque até as finanças, otimizando a eficiência e a tomada de decisões.
  • Gestão de estoque em tempo real: tenha uma visão precisa do seu estoque em todos os momentos, evitando rupturas e otimizando a reposição de produtos.

Vale lembrar que outras tecnologias podem se encaixar no varejo físico até o e-commerce. Confira algumas opções:

  • Chatbots e assistentes virtuais: automatizam o atendimento ao cliente, respondem perguntas frequentes e oferecem suporte personalizado 24/7.
  • Recomendação de produtos: sugere produtos relevantes para cada cliente, com base em seu histórico de compras e navegação, aumentando a conversão de vendas.
  • Análise preditiva: prevê tendências de mercado e comportamento do consumidor, permitindo que você se antecipe às mudanças e tome decisões mais assertivas.

Conclusão sobre as melhores tecnologias no varejo

A escolha das melhores tecnologias deve ser feita de forma estratégica, pois ao investir nessas tecnologias não apenas ajuda sua loja a se manter competitiva, mas também a se destacar em um mercado em constante mudanças, e sabemos o quanto é difícil acompanhá-las.

Se você adotar uma abordagem estratégica e integrada para a tecnologia, irá garantir que sua loja esteja preparada para enfrentar os desafios do futuro e oferecer experiências satisfatórias aos seus clientes no presente.

 

Se você está querendo adotar uma tecnologia ou sistema para gestão de estoque, vendas, compras e finanças, a ERP Varejo é uma empresa especializada em soluções para o varejo físico, digital e omnichannel.

Entre em contato conosco e saiba mais sobre nossas soluções de gestão!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Publicações

Franquias: o que é e como funciona?

Franquias: o que é e como funciona?

O que é e como funciona uma franquia? Esta é uma pergunta muito importante para quem está pensando em abrir um negócio próprio e a franquia pode ser uma ótima solução para a sua jornada empreendedora. Então, se quiser entender como funciona uma franquia e o que...

As vantagens de uma conta digital integrada ao sistema ERP

As vantagens de uma conta digital integrada ao sistema ERP

Na era em que as instituições financeiras estão apostando cada vez mais na digitalização, as empresas necessitam otimizar muitos processos para se manterem ágeis e competitivas, sendo fundamental a busca por um sistema ERP com soluções financeiras para facilitar a...

Estratégias para um Programa de Fidelidade no Varejo

Estratégias para um Programa de Fidelidade no Varejo

Oferecer um programa de fidelidade é uma excelente forma para o varejista estabelecer um relacionamento mais próximo com o cliente, incrementar as vendas de produtos e serviços, aumentar o ticket médio e aumentar a visibilidade da marca. Nos últimos anos os...

Como gerenciar os meios de pagamento na sua loja?

Como gerenciar os meios de pagamento na sua loja?

Para não perder vendas no varejo, os lojistas estão dispostos a oferecer as mais diversas formas de pagamento aos seus clientes, seja na loja física ou no e-commerce. E com um ERP (Enterprise Resource Planning) para varejo ou um sistema de gestão de lojas e franquias,...